Newsletter
Ao te inscreveres-te na nossa newsletter, serás o primeiro a ter acesso às nossas exposições, salas de visualização online, trabalhos disponíveis, eventos e muito mais.

    Dry
    08 ABR 2017 – 21 MAI 2017

    Para esta primeira exposição individual em Portugal, Dan Coopey continua demonstrar o seu contínuo interesse no uso económico de materiais naturais, investigando os valores abstratos que lhes são atribuídos pela história social e antropológica da exploração comercial do Homem.

    Dan Coopey (1981, Londres, Inglaterra)

    Vive e trabalha entre São Paulo e Londres, cidade onde tem realizado a maioria das suas exposições. Destas podem referir-se as individuais lalahalaha, (Belmacz, 2015), Laura_UpsideDown (The Institute of Jamais Vu, 2012), Position 1,(The Agency Galler, 2010) e Doodad (Hayward Gallery, Concrete, 2009). Também no Reino Unido realizou a Touring Arts Council Commission, em 2012. Das coletivas destacam-se The Peaceful Dome, The Bluecoat, (Liverpool, 2017) Neither, com a curadoria de Fernanda Brenner e Mendes Wood DM (Brussels, 2017), The Ultimate Vessel, Koppe Astner (Glasgow, 2015) e A Merman I Should Turn To Be mediante a curadoria de Laura Bartlett, na sua galeria (2014).

    Terminou recentemente uma residência artística na Pivô em São Paulo, realizada em 2016/2017.